Abril 2019


Um acidente envolvendo dois carros, ocorreu na manhã desta terça-feira (30), no Centro de Catalão. Apesar do susto, ninguém se feriu.

Os carros bateram no cruzamento das Ruas Bernardo Guimarães e Dr. Pedro Ludovíco. A frente de um dos veículos ficou praticamente destruída. Com o impacto, um dos veículos parou em cima da calçada.


Como só teve danos materiais, os carros foram retirados do cruzamento para que o trânsito não fosse prejudicado.  Segundo os policiais de trânsito, que atenderam a ocorrência, os motoristas são habilitados e os carros estão com a documentação em dia.  O Corpo de Bombeiros foi chamado e avaliou que os motoristas não precisavam de atendimento.

Equipes se enfrentam no Serra Dourada pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, e torcida visitante terá direito a apenas 3.800 entradas. Goiás e São Paulo se enfrentam quarta-feira, no Serra Dourada — Foto: Fernando Vasconcelos/GloboEsporte.com

O Goiás iniciou nesta segunda-feira a venda de ingressos para o jogo contra o São Paulo, quarta, às 21h30, no Serra Dourada. Será o primeiro jogo do time esmeraldino em casa no retorno à Série A após três anos.  Os ingressos custam R$ 40 (inteira) na arquibancada e R$ 80 (inteira) nas cadeiras. Torcedores que registrarem duas apostas na “Timemania” marcando o Goiás pagam meia-entrada em qualquer setor.

Para a torcida do São Paulo será destinado apenas o lado sul das cadeiras, o que corresponde a 3.800 entradas. 

As duas equipes estrearam com vitória no Campeonato Brasileiro. O Verdão fez 1 a 0 no Fluminense, fora de casa, e o Tricolor bateu o Botafogo por 2 a 0, em São Paulo.

Goiás x São Paulo
Data: 01/05 (Quarta-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Serra Dourada, em Goiânia

Ingressos:

- Arquibancada: R$ 40 (inteira)
- Cadeira: R$ 80 (inteira)

* Torcedores que registrarem duas apostas na “Timemania” marcando o Goiás pagam meia-entrada em qualquer setor
 

Carga total:
33.040 ingressos
Carga destinada à torcida do São Paulo: 3.800 ingressos

Venda:
 
- Online

Em Goiânia:

  
- Empório Goiás (Avenida 85 e Passeio das Águas Shopping)
- Bilheterias da Serrinha
- Cada lotérica do Shopping Bouganville
- Lojas Sherife
- As bilheterias do Serra Dourada serão abertas às 19h30 de quarta-feira


Fonte: Globo Esportes



Testes realizados em camundongos mostram que a redução de gordura no fígado pode chegar a 30% em 15 dias. O acúmulo de gordura no fígado pode causar doença hepática gordurosa não alcoólica, cirrose e tumores malignos.


Praticar treinos moderados de força durante 15 dias pode diminuir o acúmulo de gordura no fígado, afirma estudo publicado recentemente no periódico científico Journal of Endocrinology. A pesquisa, realizada em camundongos, revelou que mesmo para indivíduos obesos a redução de gordura no fígado pode chegar a 30%. A atividade ainda melhora o controle da glicose já que mantém glicemia em jejum em valores normais. 

“Todo mundo tem um pouco de gordura no fígado. Mas quando há um acúmulo e ele não é tratado, o quadro pode evoluir para uma inflamação, a esteato-hepatite. Se continuar não tratando, pode até se desenvolver para uma cirrose e, em casos mais extremos, carcinomas (tumores malignos)”, explicou Leandro Pereira de Moura, coordenador da pesquisa, à BBC News Brasil. 
A descoberta envolveu pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas e da Universidade de São Paulo (USP) em parceira com a Universidade de Harvard e Faculdade de Farmácia e Ciências da Saúde de Massachusetts, ambas nos Estados Unidos. 

O estudo

Para chegar a esta conclusão, os pesquisadores dividiram os camundongos em três grupos: o de controle, que recebeu uma ração padrão e não realizou exercícios; um grupo de dieta hiperlipídica (35% de gordura) que também não se exercitou; e o último grupo foi submetido a dieta hiperlipídica, seguida por uma rotina de exercícios de força durante 15 dias, após terem se tornado obesos e diabéticos.
Ao final do acompanhamento, os animais que tinham que praticar exercícios permaneciam obesos, mas apresentaram redução de 25% a 30% na gordura do fígado e mostraram valores normais de glicemia em jejum (indicador de não diabetes). Já os camundongos sedentários continuaram diabéticos.
Segundo a equipe, esses resultados estão associados à atuação de certas proteínas presentes no corpo. “Está sendo bastante investigado o papel das chamadas ‘exercinas’, proteínas liberadas para o sangue durante o exercício físico. Quando liberadas para o organismo, elas atuam em diferentes órgãos: cérebro, fígado, pulmão…”, comentou Moura, à BBC News Brasil, que fez pós-doutorado pela Unicamp em parceria com a Escola de Saúde Pública de Harvard.  Trabalhos anteriores já haviam comprovado que a prática de exercícios aeróbicos – modalidade diferente da musculação – ajudam na eliminação de gordura em todo o organismo.

Com os novos achados, os cientistas pretendem realizar testes em humanos para compreender melhor os mecanismos envolvidos nos benefícios do exercício muscular no organismo. 

Obesidade e diabetes

Além da gordura aparente, o nosso organismo pode acumulá-la em outras partes do corpo, inclusive nos órgãos. Um dos que mais sofre com a presença anormal de gordura é o fígado – que também é afetado pelo consumo excessivo de álcool e alimentos pesados. Se a quantidade de gordura armazenada no órgão não for reduzida, o indivíduo pode desenvolver quadros mais graves, como doença hepática gordurosa não alcoólica, cirrose e tumores malignos. 

O fígado ainda pode sofrer com a obesidade e o diabetes tipo 2 – geralmente causada pela obesidade e pelo sedentarismo. Aliás, essas condições representam alguns dos riscos de saúde mais graves e crescentes da população global.  Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2016, 13% dos adultos estavam obesos e 8,5% tinham diabetes (tipo 1 e tipo 2) em 2014. A relação entre a duas doenças é mais preocupante do que muitas pessoas imaginam: estudos apontam que pessoas obesas estão 80 vezes mais propensas a desenvolver a diabetes tipo 2. Já a obesidade é responsável por 80% a 85% do risco de desenvolver a diabetes, de acordo com o canal especializado Diabetes.co.uk.

Fonte: Veja



Entre as bactérias encontradas pelos pesquisadores está a Enterococcus faecalis que pode provocar meningite e septicemia (infecção generalizada). (Sheng Li/Reuters/VEJA)

Que criança não gosta de pular em uma piscina de bolinhas? No entanto, este brinquedo divertido – e aparentemente inofensivo – pode trazer riscos de saúde para os pequenos. Estudo publicado recentemente no periódico científico American Journal of Infection Control indica que as piscinas de bolinhas estão cheias de micróbios capazes de causar doenças. Entre as bactérias encontradas pelos pesquisadores está a Enterococcus faecalis que pode provocar meningite e septicemia (infecção generalizada). 

“A colonização bacteriana encontrada foi altíssima, chega a atingir milhares de organismos por bola, o que indica um aumento do potencial de transmissão e maior possibilidade de infecção”, disse Mary Ellen Oesterle, principal autora do estudo. Os dados são preocupantes já que este tipo de brinquedos não costuma ser higienizado com frequência.  Isso significa que há maior probabilidade de reprodução ao ponto de atingirem um número capaz de representar risco de contaminação para as crianças. Por causa desses achados, a recomendação é que todos os estabelecimentos com piscinas de bolinha revejam os padrões de limpeza para evitar os riscos de contaminação. 

Perigo

Os pesquisadores da University of North Georgia, nos Estados Unidos, analisaram seis diferentes piscinas de bolinhas utilizadas no tratamento de crianças com deficiências sensoriais ou motoras. De cada piscina foram coletadas de 9 a 15 bolas localizadas em diferentes profundidades do brinquedo.

Fonte: Veja

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO), foi acionado nesta segunda-feira, 29, às 12h35, para uma ocorrência de afogamento.

 A vítima, sexo masculino, 19 anos, no Rio Paranaíba, próximo a ponte Quinca Mariano, no município de Corumbaíba.  No local, a equipe de mergulhadores do CBMGO de Caldas Novas iniciaram as buscas e encontraram o corpo, por volta das 15h18, deixando aos cuidados do Instituto de Medicina Legal.

Fonte: Blog de Olho na Cidade


Na manhã desse sábado, 28, uma equipe da Polícia Militar abordou um suspeito no Bairro Estrela em atitude suspeita.

Durante a abordagem, ficou constatado que aquele suspeito vendia grande quantidade de drogas, sempre negociadas por telefone. Uma vez caracterizado possível crime de tráfico, foi realizada busca na residência do infrator da lei, onde foram encontradas algumas porções de maconha. Durante as buscas, um outro infrator que acabara de comprar entorpecentes para revenda também foi preso pelos PMs, sendo este o mesmo indivíduo suspeito de tentativa de homicídio recente em Catalão (26/04) no Bairro Castelo Branco. Assim, ambos foram presos em flagrante por tráfico de drogas.

Fonte: Zap Catalão


APÓS SETE MESES DO PRIMEIRO CASO, OUTRA MULHER MORRE VÍTIMA DE DENGUE HEMORRÁGICA EM CATALÃO; IDOSO DE 74 ANOS DE IDADE TAMBÉM MORREU EM CATALÃO POR DENGUE GRAVE

Uma mulher de 36 anos de idade, morreu na manhã de ontem, sexta-feira (26), após ser diagnosticada com dengue hemorrágica em Catalão. Segundo o que Blog do Badiinho apurou, a paciente que estaria com alguns problemas de saúde, teria dado entrada em um hospital particular da cidade na noite da última quinta-feira (25), mas seu estado de saúde se agravou e ela foi a óbito na manhã de ontem.

  
O corpo da mulher foi velado durante toda a tarde de ontem em uma das salas de velórios da Fênix, e sepultado no final da noite no Cemitério Jardim São Pedro.
 

IDOSO DE 76 ANOS DE IDADE TAMBÉM MORREU VÍTIMA DE DENGUE

No mesmo dia do falecimento de Paula, o Senhor Aldofo Silva, 74 anos de idade, também morreu vítima de dengue grave em Catalão, após ter procurado por vários atendimentos na UPA e na Santa Casa de Catalão. Segundo a reportagem da TV Anhanguera de Goiânia, a Secretaria de Saúde do município disse que irá investigar os casos.

O prefeito de Catalão (GO) Adib Elias anunciou várias medidas em benefício da população em entrevista ao vereador Cláudio Lima na rádio Nova Liberdade 102,7 FM nessa manhã de sexta-feira (26).  Dentre elas, Adib confirmou que está cobrando da CAIXA a liberação imediata do financiamento de 500 unidades habitacionais populares que a prefeitura já cadastrou os destinatários e já realizou todo processo que lhe cabe mas a CAIXA até agora vinha protelando a liberação. Ainda, o prefeito anunciou que fará em torno de 60 casas para doação a famílias carentes na cidade e mais algumas nos distritos.  

Agora, a grande novidade, segundo o prefeito, será a criação do programa LOTE DE VERDADE que a prefeitura já municiou com 300 terrenos disponíveis para doação a famílias catalanas que comprovem a capacidade de construir no mínimo uma pequena casa de bom acabamento nos moldes das subsidiadas pela própria prefeitura, isso no prazo máximo de 1 ano.  O prefeito justificou que tomará todo cuidado para o programa não virar “moeda de troca eleitoral” a apaniguados conforme a gestão passada, que foi até mesmo acionada pelo MP por irregularidades no processo.


O resultado da Mega Sena 2146 foi divulgado na noite de sábado, 27 de abril (27/04). O prêmio acumulou

Ninguém acertou as dezenas do Concurso 2146 da Mega-Sena. O prêmio acumulou e vai a R$ 125 milhões. O resultado da Mega-Sena acumulada saiu na noite de hoje, sábado, 27 de abril (24/04).  Os números sorteados foram: 16 18 31 39 42 44.

No sorteio anterior da Mega Sena, concurso 2145, não houve acertador das seis dezenas. Os números sorteados da loteria foram: 06 08 28 51 53 59.  Não houve ganhador da Mega Sena Concurso 2144 de sábado, 20 de abril (20/04). Na ocasião, os números sorteados foram: 07 16 21 33 55 60. 

Como apostar na Mega Sena  Os sorteios da Mega Sena são realizados duas vezes por semana, às quartas e aos sábados. A aposta mínima, de 6 números, custa R$ 3,50, podendo ser feita até as 19 horas (horário de Brasília) em qualquer lotérica do País.  Quanto mais números marcar, maior o preço da aposta e maiores as chances de faturar o prêmio mais cobiçado do país.  Clientes com acesso ao Internet Banking Caixa podem fazer suas apostas na Mega Sena pelo computador, tablet ou smartphone. 

Recebimento de prêmios da Mega Sena  Você pode receber o prêmio em qualquer casa lotérica credenciada ou nas agências da Caixa. Caso o prêmio líquido seja superior a R$ 1.332,78 (bruto de R$ 1.903,98) o pagamento pode ser realizado somente nas agências da Caixa. Valores iguais ou acima de R$ 10.000,00 são pagos após 2 dias de sua apresentação na agência da Caixa. 

Bolão Caixa da Mega Sena  Outra modalidade de aposta é o Bolão Caixa, no qual o apostador pode participar do sorteio em grupo. Para realizar um bolão, basta preencher o campo próprio no volante ou solicitar ao atendente da lotérica. Casas lotéricas também organizam bolões, nos quais é possível comprar cotas de apostas.  Os bolões têm preço mínimo de R$ 10. Porém, cada cota não pode ser inferior a R$ 4. Cada bolão deve ter entre duas e 100 cotas, permitindo a realização de no máximo dez apostas. Em caso de Bolão com mais de uma aposta, todas elas deverão conter a mesma quantidade de números marcados.


Fonte: O Povo

Helder Cruz, Pres. da câmara de Ouvidor e Caiado Governador GO

O Presidente da câmara de vereadores de Ouvidor, Helder Cruz (DEM), recebeu o aval do Governador de Goiás Ronaldo Caiado para disputar a prefeitura de Ouvidor, a partir de agora “Helder” vai iniciar uma série de reuniões para aglutinar apoio.  Mostrando estar perto do Governo, Helder que é presidente do DEM na cidade do minério também passa a fazer parte do diretório estadual do Estado de Goias, eleito na convenção realizada em Goiânia na data de 25/04/2019.  Ex prefeitos, ex vereadores e também alguns dos atuais vereadores além de lideranças já sinalizam apoio à candidatura de Helder.

Fonte: Blog da Verdade



Nesta última terça-feira (02), o vereador Caçula (MDB) fez um requerimento para apreciação e votação do plenário, no qual pede ao Diretor Geral da Concessionária de Rodovias Minas Gerais Goiás – MGO, Paulo Gomes, esclarecimentos sobre a construção dos viadutos da região dos bairros Castelo Branco e Pontal Norte.  Esta solicitação requer que os responsáveis das obras no apresente o projeto do viaduto no qual liga Avenida José Marcelino, bairros N. S. de Fátima/Centro com o Bairro Castelo Branco e bairro Pontal Norte.  Veja na íntegra o requerimento.


Fonte: Zap Catalão

Os vereadores de Catalão votaram em segunda e última votação, o projeto de Emenda à Lei Orgânica do município nº 2 /19 na tarde de hoje (23). 

Ele é de autoria dos vereadores:
Caçula
Cláudio Lima
Rodrigão
Luiz Pamonheiro
Sousa Filho
Cleuber Vaz
Jair Humberto
Leonardo Bueno
Marcelo Mendonça
Marciel, Paulinho
Pedrinho
Rosângela
Silvinha
Vandeval

e extingue o 13º dos vereadores.  O projeto gerou debate, assim como foi na primeira vez em que ele foi votado e apesar das ausências justificadas dos vereadores Rodrigão e Silvinha, ele foi aprovado. A votação foi nominal e se repetiu: Deusmar votou contrário e Daniel do Floresta se absteve, com ausências dos vereadores Cláudio Lima, Rodrigão e Silvinha. 

A Casa aprovou outros quatro projetos. Um deles que foi incluído na Pauta. O de nº 33/19, de autoria do Executivo que reajusta o salário dos servidores públicos municipais efetivos ativos e inativos. A recomposição salarial é de 8,28%, de acordo com o IGPM – FGV. O projeto foi aprovado por unanimidade.  Os vereadores aprovaram também o Projeto de Decreto Legislativo de autoria do vereador Sousa Filho, que concede título de Cidadão Catalano ao senhor Márcio Pereira da Silva, natural de Ituiutaba (MG), empresário e que mora em Catalão há 6 anos.  Os vereadores aprovaram outros dois projetos de Decreto Legislativo: do vereador líder do prefeito, Jair Humberto, que concede título de Cidadã Honorária à senhora Mariah Metsavaht e do vereador Pamonheiro que concede título de Cidadã Catalana à senhora Raísa Ribeiro Caniza.  Outros dois projetos foram deliberados.

O vereador Cláudio Lima deixou a sessão e seus dois projetos foram retirados da Pauta. Os projetos e requerimentos em sua íntegra, podem ser vistos pelo site:  http://camaracatalao.go.gov.br no Menu Requerimentos ou clicando na foto do vereador escolhido. Ao final, a Mesa Diretora abriu para os vereadores debaterem assuntos pessoais. A próxima sessão ordinária do mês acontecerá na quinta-feira, dia 25.

Fonte: Zap Catalão


Adolescente de 14 anos ficou ferida após ser atropelada por uma motocicleta na noite desta quinta-feira, 25, na GO-330, próximo a entrada do bairro Evelina Nour, em Catalão. 

O atropelamento aconteceu por volta das 20h40min, quando a adolescente foi atravessavar a rodovia. No acidente o condutor da motocicleta de 39 anos também teve ferimentos pelo corpo. De acordo com testemunhas, ela atravessou a via correndo e não deu tempo de o motociclista frear.



A adolescente e o motociclista foram atendidos pelo socorristas do Corpo de Bombeiro e encaminhados ao Pronto Socorro da Santa Casa de Catalão.



Fonte: Zap Catalão

Confira o horário, local, desfalques, prováveis escalações e arbitragem da partida

Quatro dias após “descobrir” seu adversário, o Juventude recebe o Vila Nova (GO) às 21h30 desta quarta-feira, no Alfredo Jaconi, em duelo de ida pela quarta fase da Copa do Brasil. O time gaúcho, que não entra em campo desde a vitória sobre o Botafogo no dia 11 de abril, deve ter poucas mudanças para enfrentar o Tigre.
Suspenso, Rafael Jataí deve dar lugar a João Paulo. Já Paulo Sérgio, que retorna de suspensão, será o comandante do ataque no lugar de Braian Rodríguez. O objetivo é claro: vencer e levar a vantagem para o Serra Dorada no dia 7 de maio, às 21h30, algo que não aconteceu em 2018. Em ambos os encontros, na Série B do Brasileirão, o time goiano venceu por 1 a 0.  Após passar pelo Bragantino-PA no último sábado mesmo perdendo por 2 a 1, o Vila Nova vai até a Serra Gaúcha sabendo que precisa apresentar um futebol melhor para não se complicar no confronto. O técnico Eduardo Baptista tem a volta de Alan Mineiro, principal jogador do Tigre, mas sofreu duas novas baixas: Wesley Matos e Rafael Silva. 

Transmissão:
o GloboEsporte.com transmite ao vivo e acompanha em Tempo Real com vídeos exclusivos.



Juventude - técnico: Marquinhos Santos 
O volante Rafael Jataí recebeu cartão amarelo no jogo com o Botafogo e está suspenso. Não fosse isso, também não poderia atuar devido a uma lesão no ligamento colateral do joelho. O lateral-esquerdo Felippe também é desfalque por problemas no tornozelo. No ataque, Paulo Sérgio retorna e deve retomar a posição de Braian Rodríguez. Com isso, Dalberto fará o lado esquerdo do ataque – por onde marcou o gol da classificação – e João Paulo entra no meio de campo.



Quem está fora: Jataí e Felippe (lesionados) 
Pendurados: Bruno Camilo, Marcelo Carné e Moisés

Vila Nova - técnico: Eduardo Baptista
Recuperado de lesão na coxa, Alan Mineiro foi relacionado e pode voltar ao time. Se ele começar no banco, Joseph segue titular. Em contrapartida, Wesley Matos e Rafael Silva sofreram lesões de ligamento. Desta forma, Patrick entra na zaga, e Michel Douglas e Bruno Mota disputam vaga para assumir o comando de ataque.



Quem está fora:
Wesley Matos, Rafael Silva, Gastón Filgueira e Elias, todos lesionados e entregues ao departamento médico. 
Pendurados:
Joseph, Philipe Maia, Michel Douglas e Neto Moura



Thiago Duarte Peixoto é o árbitro. Ele será auxiliado por Herman Brumel Vani e Gustavo Rodrigues de Oliveira. O trio é de São Paulo.

Fonte: Globo Esportes


A depressão está longe de ser uma simples tristeza - é uma doença séria que precisa ser tratada.

"Ela ocorre por causa de uma tendência hereditária e algumas substâncias cerebrais em desarranjo, principalmente a serotonina e a noradrenalina", afirma a neurologista Thais Rodrigues, de São Paulo, especialista do Minha Vida. Sentir uma tristeza muito profunda, que não passa, é motivo suficiente para procurar um profissional de saúde mental, que poderá receitar medicação e terapia. Além do tratamento, quem sofre desse mal também pode tomar atitudes que melhoram o quadro da doença. Confira a seguir.


Pratique Exercícios Físicos
A saúde da mente começa pelo corpo. "O exercício físico libera endorfinas e aumenta os níveis de serotonina e dopamina, potencializando o efeito antidepressivo do tratamento", explica a neurologista Thais. Além disso, o organismo só funciona adequadamente se estiver com o equilíbrio de fatores físicos, psíquicos e sociais. "Quando algum desses fatores é prejudicado ou beneficiado, os demais sofrem as consequências", diz a psicóloga e terapeuta comportamental Denise Diniz, coordenadora do Setor de Estresse e Qualidade de Vida da Unifesp. Dessa forma, se o paciente com depressão consegue ânimo para se exercitar, também conseguirá melhorar questões psíquicas, tais como a depressão.

Mantenha a agenda em dia
Uma das principais manifestações da depressão é a falta de iniciativa e de vontade para realizar até mesmo tarefas cotidianas, como levantar-se da cama. "Fazer uma agenda e programar o dia ajuda a dar motivação e compensar essa defasagem", afirma Adriana de Araujo, psicóloga e autora do livro "O Segredo Para Vencer a Depressão" (Editora Universo).  No entanto, todo cuidado é pouco na hora de estabelecer as atividades do dia. Adriana conta que fica difícil para o paciente com depressão seguir a mesma rotina de antes da doença. A agenda deve ser realista, de acordo com a capacidade dessa pessoa. "Se os desafios estabelecidos não são cumpridos, a sensação de fracasso aumenta, piorando o quadro da doença", alerta.

Alimente-se bem
Comer demais ou simplesmente não comer é clássico de quem sofre de depressão. Mas manter a alimentação saudável é um passo importante para a recuperação. Thais Rodrigues explica que jejuns prolongados demais ou exageros alimentares modificam a química do corpo, em especial entre aqueles que abusam de carboidratos simples, como doces, em busca de conforto. "Isso provoca variações bruscas nos níveis de glicemia, insulina e serotonina", diz a neurologista. O indicado pela especialista é comer a cada três ou quatro horas, preferindo carboidratos integrais e alimentos com triptofano, um aminoácido que ajuda na produção de serotonina. Exemplos desses alimentos são: leite, carnes magras, banana e nozes.

Fuja do álcool
Embora a sensação inicial causada pelo álcool seja de relaxamento e euforia, o sentimento dura pouco. "Depois que esse efeito passar, a pessoa precisará consumir mais álcool, existindo o perigo do abuso e até do vício", alerta a neurologista Thais.

Volte a ver a beleza nas pequenas coisas
"Quando você resgata uma coisa menor, torna mais fácil aproveitar coisas maiores", aconselha a psicóloga Adriana de Araújo. Volte a observar as coisas simples do dia a dia, ou seja, tente admirar uma flor, o gosto de uma comida, apreciar uma caminhada de 10 minutos, olhar o pôr-do-sol, entre outras distrações. ?A depressão tira a atenção das coisas belas e prazerosas da vida, então você tem que reaprender a focar no que não consegue ver por causa da doença?, afirma a profissional.

Ocupe-se com atividades divertidas
A partir do momento que as pequenas belezas da vida estiverem mais evidentes, fica mais fácil recomeçar a encarar atividades que um dia já foram divertidas. Se isso não parece animador, então procure novas diversões. Busque novidades, aprenda coisas novas e prazerosas, viaje, fuja das notícias ruins e das pessoas negativas. "Evitar a exposição, na medida do possível, a informações negativas e aumentar as positivas ajuda muito", aconselha a neurologista Thais Rodrigues.

Reconquiste uma boa noite de sono
Pessoas com depressão, geralmente, dormem demais ou não conseguem pegar no sono. Segundo a neurologista Thais Rodrigues, isso ocorre devido a alterações nos níveis de serotonina e noradrenalina, hormônios que regulam o sono. "O problema é que o sono é essencial para o cérebro regular novamente esses hormônios e amenizar os efeitos da depressão", afirma. Se o problema for falta de sono, a psicóloga Denise indica exercícios de respiração, que relaxam e facilitam o adormecer. Se dormir demais for o problema, a psicóloga Adriana recomenda pedir a alguém próximo que o desperte quando achar que você está passando da conta.

Fonte: Site Minha Vida


Durante a Operação Guardião, foram realizadas diversas abordagens na cidade


A segunda-feira (22), foi marcada pela realização de mais uma operação policial promovida pelo 18° Batalhão de Polícia Militar, na cidade de Catalão. Durante a denominada “Operação Guardião”, as equipes policiais realizaram abordagens em diversos pontos da cidade.

De acordo com a Polícia Militar, o objetivo da operação implementada em Catalão era prevenir crimes contra a vida e contra o patrimônio.

Fonte: Portal Catalão


SUV compacto da Suzuki chega ao Brasil no segundo semestre com reconhecimento internacional graças a sua versatilidade, ousadia e capacidade off-road O novo Suzuki Jimny Sierra, que estreia no Brasil no segundo semestre deste ano, já é destaque mundial. O SUV compacto da Suzuki Veículos acaba de vencer o World Car Awards e foi eleito o World Urban Car de 2019. O World Car Awards está em seu 15º ano e é o programa de prêmios número um do mundo pelo sexto ano consecutivo, de acordo com o relatório de mídia da Prime Research. 

O Jimny Sierra ainda foi finalista em outra três categorias e ficou entre os 3 melhores na categoria de World Car Design of the Year. “O Jimny tem uma história de mais de 50 anos sempre mantendo sua identidade única e com o autêntico 4×4. A nova geração batizada de Sierra traz toda a ousadia da Suzuki. Estamos muito orgulhosos e ansiosos em apresentar esse carro ao mercado brasileiro, que chegará já como um dos melhores do mundo”, afirma Fernando Julianelli, diretor de marketing da Suzuki Veículos. “Apesar de ser um legitimo off-road, o Jimny Sierra ganhou o prêmio de carro urbano, mostrando que também é uma excelente opção para as cidades”, destaca. A jornada Road to the World Car Awards começou em outubro de 2018.

Os veículos foram selecionados e votados por um painel internacional composto por 86 jornalistas automotivos de 24 países em todo o mundo. Cada jurado foi nomeado pelo Comitê Mundial de Direção de Automóveis com base em sua experiência, credibilidade e influência. Toda a votação foi acompanhada e auditada pela KPMG. Sobre o Jimny Sierra Estreia no Brasil a 4ª geração desse SUV compacto que conquista fãs em todo o mundo. Ele chega ao País no segundo semestre de 2019 e conviverá com a atual geração, que é produzida na fábrica da Suzuki Veículos em Catalão (GO). Muito mais do que um carro, ele é o preferido por aqueles que compartilham seu espírito aventureiro.

O exterior foi desenhado para expressar a funcionalidade off-road em todos os detalhes. Desde o formato mais quadrado e sem muitos vincos até a variação de cores, que revelam a personalidade forte e marcante do Jimny, fugindo do comum e criando uma identidade própria. O power train é totalmente novo e traz motor 1.5L de 108cv e 14,1 kgf.m de torque, econômico e robusto para o off-road, além da inédita opção de transmissão automática, prática para o dia a dia

Fonte: ZapCatalão


Oportunidades de emprego oferecidas pela SETRAER/SINE (SECRETARIA DE TRABALHO E RENDA DE CATALÃO) –  Nesta quarta-feira (24/04/2019).

Os interessados procurar na Av. 20 de agosto n 1857 (Em frente a Caixa econômica Federal) ou pelo Fone:3441-6504.    

-Cabeleireiro, com experiência em corte e colorímetria, disponibilidade de horário, ambos os sexos; 

-Contador, com experiência na CTPS, experiência comprovada em contabilidade na área de construção civil, sistema PROTHEUS, CRC tem que estar ativo, ambos os sexos; 

-Fiscal de prevenção de perdas, com experiência na CTPS, masculino; 

-Mecânico, com experiência na CTPS em parte de suspensão, alinhamento e balanceamento, masculino;  -Motorista entregador, com experiência na CTPS, CNH “AB”, masculino;

-Torneiro mecânico, com experiência de 2 anos na CTPS, conhecimento em desenho de usinagem, ambos os sexos; 

-Pedreiro, com experiência na CTPS em assentamento de porcelanato, masculino; 

-Vendedor interno, com experiência na CTPS, feminino;  -Vendedor interno, com experiência, com curso técnico agrícola concluído, perfil comercial, ambos os sexos.    

Obervação:
Algumas vagas podem ter sido preenchidas sem aviso prévio. Necessário á apresentação CTPS, RG e CPF.


Professor da FEA-USP diz que tecnologia facilita relação com clientes e gestão administrativa. Relatório Ebit e Nilsen aponta que faturamento do comércio eletrônico cresceu 12% em 2018.

Eletricista por formação, Vagner Oliveira dos Santos trabalhava em uma empresa na capital paulista com carteira assinada e benefícios, quando conheceu um aplicativo que coloca em contato quem precisa de um serviço e quem sabe realizá-lo.  Após um período de experiência fazendo reparos em imóveis aos finais de semana e horários de folga, Santos decidiu trabalhar exclusivamente como “marido de aluguel”. Agora, o eletricista estima faturar o dobro do salário que recebia.  “Eu faço de tudo: serviços de hidráulica, elétrica, montagem de móveis. Mas, o que mais faço pelo aplicativo são serviços rápidos, que são possíveis de ser revolvidos em um dia. Hoje, só trabalho com o aplicativo. É muito mais viável e o retorno é maior”, diz.  

Assim como Santos, cada vez mais pequenos e micro empreendedores paulistas têm a tecnologia como aliada aos negócios. Pesquisa realizada pelo Sebrae no ano passado aponta, por exemplo, que 76% deles usam o WhatsApp para se comunicar com os clientes.  “O contato é muito mais rápido e prático. O aplicativo é importante, mas ter uma máquina de cartão também ajuda muito, porque nem todo cliente tem dinheiro em mãos ou consegue sacar. A gente precisa acompanhar a evolução em todos os sentidos”, afirma.



No aplicativo usado pelo eletricista, o cliente descreve qual a necessidade, de acordo com o tipo de serviço, que varia de reformas para casa a consertos em geral, assistência técnica de eletrônicos, edição de fotos, consultoria jurídica e até aulas de dança ou idiomas.  Depois, o usuário precisa informar o endereço e um número telefone. Em poucos minutos os prestadores de serviço mais próximos são acionados e entram em contato, apresentando os orçamentos. É possível refazer a busca quantas vezes quiser.  “Quando estou na casa da minha namorada em Ribeirão Preto, habilito esse endereço. Então, o aplicativo começa a buscar serviços em um raio de 15 quilômetros. Em São Paulo, coloco o endereço da casa da minha mãe. Nunca fico parado, sempre tem trabalho”, diz. 




O mesmo levantamento do Sebrae aponta que 87% de micro e pequenas empresas têm acesso à internet. Além disso, WhatsApp e Facebook são as ferramentas mais usadas por elas, não só para divulgar serviços, mas também para estreitar a relação com clientes.


Foi assim que a confeiteira Isabela Lepera conseguiu aumentar a venda de cupcakes em 37% no último ano. Advogada por formação, Isa conta que sempre gostou de fazer doces para familiares e amigos, mas a dedicação exclusiva ao negócio ocorreu há dois anos.  “Eu fazia cupcakes para vender, mas como hobby. Trabalhei em escritório de advocacia em Franca e em Ribeirão, sempre conciliando com os cupcakes. Em 2016, percebi que eles faziam mais parte da minha vida. Hoje, os doces são a minha principal fonte de renda”, afirma.  Ao mesmo tempo em que os cupcakes, biscoitos, donuts e brownies ganhavam popularidade, o negócio de Isa também crescia. Consequentemente, o tempo na cozinha aumentou e a confeiteira passou a utilizar a tecnologia para facilitar o contato com os clientes. 



Em vez de atender ligações ou usar o próprio perfil nas redes sociais para receber pedidos, Isa passou a usar o WhatsApp Business. A ferramenta oferece mais recursos em comparação ao aplicativo comum, usado pela maioria das pessoas.
Professor da Faculdade de Economia, Administração de Empresas e Contabilidade em Ribeirão Preto (FEA-USP), Ildeberto Rodello destaca que o crescimento do comércio elétrico e do uso da tecnologia pelas empresas é um caminho sem volta.  O relatório Webshoppers 2019, realizado pela Ebit e Nilesen, comprova a afirmação: apesar de o ano passado ter sido turbulento devido às eleições, alta do dólar e greve dos caminhoneiros, o comércio eletrônico faturou R$ 53,2 bilhões, 12% a mais do que em 2017.

Ainda segundo o Webshoppers 2019, 58 milhões de brasileiros fizeram ao menos uma compra online no ano passado. Também pudera, sete em cada 10 consumidores já possuem um smartphone, segundo o levantamento. No ano retrasado, o índice era de 63%.  Especialista em tecnologia e sistemas de informação aplicados a negócios, Rodello afirma que o uso de ferramentas gratuitas entre microempreendedores pode facilitar não só a captação e o contato com os clientes, mas, principalmente, a gestão administrativa.  “Organizar melhor o dia a dia de trabalho, a parte financeira, a emissão de notas, os relatórios de entradas e saídas, o controle de estoque. Entre as grandes empresas, isso é quase que obrigatório, até por questões legais”, destaca.

E foi justamente pensando na praticidade da gestão do negócio, que o barbeiro Thiago Pajola aposentou a agenda de papel e contratou uma plataforma online que possibilita ao cliente escolher os serviços e marcar o próprio horário, conforme a disponibilidade no calendário.  “Praticamente ocupa o lugar de um profissional, uma secretária. Eu teria que contratar uma secretária, com todos os encargos, e a plataforma vai custar no ano entre R$ 500 e R$ 700. A ferramenta também evita equívocos no agendamento dos clientes”, explica.  Assim como a maioria dos empreendedores, Pajola também mantém perfis da barbearia nas redes sociais para captar clientes, aumentar o engajamento e divulgar serviços. As facilidades da tecnologia levaram o barbeiro a buscar uma plataforma online ainda mais avançada.  “Eu tenho todo o procedimento de agendamento, além do controle de produtos, entrada e saída, custo, contas particulares e fixas. Nas datas comemorativas, o sistema envia mensagem automática para os clientes, avisa sobre o próximo corte de cabelo. Enfim, a tecnologia se tornou indispensável”, finaliza.

Fonte: G1


Dependendo do tempo da sessão, o ato pode equivaler a fumar mais de 100 cigarros. O narguilé faz mal e pode causar dependência por conter nicotina

Dependendo do tempo da sessão, o ato pode equivaler a fumar mais de 100 cigarros. O narguilé faz mal e pode causar dependência por conter nicotina  De origem oriental e com difusão mais recente pelo mundo ocidental, o narguilé chegou ao Brasil como recreação e logo caiu no gosto dos jovens, principalmente por conta das essências. O que as pessoas não percebem é que o produto fumado no aparelho tem como base o tabaco que, quando carburado, é tão prejudicial à saúde como o cigarro convencional. 

Diferenças entre o narguilé e o cigarro

"Como qualquer produto do tabaco que é fumado, o narguilé vai produzir na sua combustão todas as 4.700 substâncias tóxicas já conhecidas do cigarro e que sabemos que causam doenças crônicas e cânceres", alerta a doutora Liz Almeida, do Instituto Nacional do Câncer (INCA). "Muitos utilizam a desculpa de que em produtos assim, como também é o caso do charuto e do cachimbo, a fumaça não é tragada, pois a ideia é apenas sentir o sabor do produto. Na prática não é o que acontece com o narguilé e, mesmo que fosse, devemos lembrar que apenas a fumaça na boca é suficiente para gerar um câncer na cavidade oral".
O tabaco utilizado no narguilé, mesmo com toda a essência de sabor, é ingerido em maior quantidade pelo organismo. "Um dos maiores problemas do narguilé é a longa exposição ao tabaco. Dependendo do tamanho do aparelho e da durabilidade da sessão, o ato pode equivaler a fumar mais de 100 cigarros. E as pessoas devem lembrar que o produto tem nicotina, uma substância que causa dependência muito rapidamente. Logo o corpo vai pedir por mais, e passar do narguilé para outros produtos do tabaco, como o cigarro, é um pulo", aponta a doutora Liz Almeida.   

O que o uso do narguilé causa?

Estudos associam o uso de narguilé ao desenvolvimento de câncer de pulmão, doenças respiratórias, doença periodontal (da gengiva) e com o baixo peso ao nascer, além de expor seus usuários a concentrações de nicotina que causam dependência. Em longo prazo, seu consumo pode causar câncer de pulmão, boca e bexiga, aterosclerose e doença coronariana.  Os riscos do uso do narguilé não estão somente relacionados ao tabaco mas também a doenças infectocontagiosas. Compartilhar o bocal entre os usuários pode resultar na transmissão de doenças como herpes, hepatite C e tuberculose.

Modismo

A moda se espalhou rapidamente pelo Brasil e os aditivos de sabor mascararam o perigo por trás do hábito. "O narguilé era um processo muito cultural dos turcos, libaneses. Algo que só era utilizado nos fins de semana. Os imigrantes dessa cultura trouxeram o narguilé para o Brasil e a moda pegou por aqui após uma novela que fez muito sucesso. Ao mesmo tempo, houve uma onda de reincorporação do uso dos narguilés por jovens nos bares. Isso gerou um boom na produção dos produtos e essa maior oferta disseminou mais facilmente o uso. Alguns pais e os próprios jovens sentem aquele cheiro adocicado e acham que não faz mal, imaginando que não há tabaco ali dentro", explica a doutora Liz.




Porta de entrada para o vício


O aumento no número de usuários de narguilé no país, principalmente entre os mais jovens, preocupa. Principalmente porque o aparelho serve de porta de entrada para um vício que pode durar a vida inteira e causar sérios problemas de saúde. "Por volta de 2007, as primeiras pesquisas já indicavam que vários jovens estavam usando outros produtos de tabaco que não o cigarro. E o produto mais frequentemente usado era, disparado, o narguilé", lembra a médica.  "Em 2008, na Pesquisa Especial de Tabagismo (PETab), do IBGE, notamos que o percentual não era alto, representando pouco mais de 250 mil pessoas usando o narguilé. Mas na repetição da pesquisa, em 2013, um dado chamou atenção: pegando apenas a faixa entre 18 e 24 anos, tínhamos 63,3% de pessoas que afirmavam usar o produto. Já na Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), realizada em 2015, entre jovens de 13 a 17 anos foi registrado que 7,3% deles faziam uso de um produto do tabaco que não o cigarro. Isso equivalia a 940.549 meninos e meninas. Desses produtos, o narguilé estava na preferência de 57,7% dos adolescentes. Ou seja, quando se atrela isso ao modismo, à onda da garotada, começamos a ter uma disseminação cultural de um produto que faz tão mal quanto o cigarro", finaliza a doutora Liz Almeida.

Fonte: Saúde Brasil Portal



Depois de demitir Mauricio Barbieri, após perder o título do Campeonato Goiano para o Atlético, a diretoria do Goiás sonhou com Autuori, Dorival, e Luxemburgo, e acordou com outro nome. Claudinei Oliveira foi anunciado pelo time esmeraldino para comandar a equipe na Série A do Brasileirão. Antes do Esmeraldino, o treinador estava na Chapecoense.  Com 49 anos, Claudinei chega para a sua segunda passagem pelo Goiás. No início de 2014, o técnico comandou a equipe em pouco mais de três meses, somando 11 vitórias, seis empates e duas derrotas, com aproveitamento de 68%.

Curiosamente, o treinador caiu após o Estadual, onde perdeu o título para o Atlético.  Claudinei Oliveira já coleciona passagens por Santos, Athletico-PR, Vitória, Paraná e Sport. No dia 17 de março, o técnico caiu foi demitido da Chapecoense, após perder para o Joinville no Catarinense.  A tendência é de que o treinador já faça sua estreia neste domingo contra o Fluminense, no Maracanã, às 19h00 (horário de Brasília), na primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Futebol Goiano




Durante abordagem realizada a um indivíduo em atitude suspeita no Bairro Alvino Albino, suspeito este de 47 anos de idade, foi constatado mediante consulta de dados pessoais que se tratava de um Foragido da Justiça, com mandado de prisão em aberto pelo Estado de Minas Gerais.  Ele teria cometido homicídio no ano de 1998, cumpriu parte da pena e fugiu do presídio de Unaí/MG, porém hoje, foi recapturado e encaminhado novamente ao presídio em Catalão/GO.





Na manhã desta terça-feira, 16/04, as equipes da Polícia Militar tomaram ciência de uma tentativa de roubo de carga na BR 050, próximo à entrada da GO 330, saída para Ouvidor.  Segundo a vítima, três infratores da lei que estavam em um caminhão baú, lhe apontaram uma arma de fogo e tentaram cercá-lo para tomar seu caminhão com carga de cigarros.  Imediatamente, o cerco policial foi montado e os agressores da sociedade foram abordados e presos minutos depois próximo ao Posto Dona Celina. 

Com eles foram apreendidos:  

▶ Uma arma de fogo calibre .38 com três munições intactas;

▶ Bloqueadores de sinal de rastreamento; e

▶ O Caminhão baú, roubado em 2015, na Região de Bom Jesus de Goiás.  


Os infratores da lei, um de 35 anos natural de João Lisboa/MA (foragido da justiça), um de 19 anos natural de Aparecida de Goiânia/GO (foragido da justiça) e outro 48 anos natural de Goiânia/GO, possuíam antecedentes criminais por homicídio, roubo e furto e fazem parte de Associação Criminosa especializada em roubo de carga de cigarros que atua nas Rodovias de todo o Estado.

Fonte: Diante do Fato



Na manhã deste domingo, dia 21, a Polícia Rodoviária Federal em Catalão realizou uma ação educativa denominada CINEMA RODOVIÁRIO.

Neste evento, o condutor é abordado e, juntamente com todos os ocupantes do veículo, convidado a assistir uma palestra rápida sobre educação no trânsito. A palestra dura o prazo médio de uma fiscalização que ocorre ao mesmo tempo.



Na palestra, os policiais rodoviários federais falam sobre as
infrações de trânsitos que são as maiores responsáveis pelas mortes e feridos graves no trânsito das rodovias brasileiras. As infrações são excesso de velocidade, embriaguez ao volante, ultrapassagens proibidas, não uso do cinto de segurança, não uso da cadeirinha para crianças e uso do celular enquanto dirige.  Passaram pelo evento, aproximadamente 100 pessoas. Todos os condutores são submetidos ao teste de bafômetro.



Fonte: Zap Catalão



Aplicativo que será lançado na capital britânica em setembro usa código QR entregue previamente por organizações beneficentes, hotéis ou entidades associadas ao projeto.

Os moradores de rua de Londres já não recebem esmolas dos pedestres. "Não tenho trocado", ouvem. E, embora soe como uma desculpa, é realmente o reflexo de uma sociedade na qual quase ninguém mais anda com dinheiro no bolso.  Mas, e se a tecnologia permitisse que este coletivo pudesse continuar recebendo doações sem que os transeuntes precisem ter dinheiro na mão?  Agora, isso é possível com um smartphone e um código QR, graças à espanhola Irene López e sua equipe, que desenvolveram o "Giving Streets", um aplicativo que será lançado na capital britânica em setembro.


"O futuro do dinheiro é virtual", disse López em entrevista à Agência Efe, "e nós não podíamos olhar para outro lado enquanto havia pessoas que estavam sendo excluídas de uma realidade na qual é cada vez mais difícil ser espontâneo na hora de dar donativos".  Diante deste cenário e a fim de fomentar uma sociedade sem dinheiro mais inclusiva, o projeto "Giving Streets" surgiu há dois anos, quando esta socióloga industrial e seus companheiros se deram conta de que este era um "problema global" que ficava mais evidente em países como o Reino Unido, o terceiro do mundo com menos dinheiro em espécie.  Para López e sua equipe, a solução para esta exclusão social estava na tecnologia, nos aplicativos e, especificamente, nos códigos QR (Quick Response - Resposta Rápida), que são códigos de barras bidimensionais que, ao serem escaneados, dão acesso imediato a seu conteúdo.  "Optarmos por este formato ao invés de pagamentos 'contactless' transforma a iniciativa em um projeto muito mais sustentável, flexível e barato, pois não dependemos de nenhum terminal com hardware que precisa de conexão com a internet e que consome energia", explicou López.  


O "Giving Streets" começa com uma fórmula que é muito simples: abrir a câmera do celular, escanear - fotografar - o código QR que te leva a um site e, por último, doar a quantia que quiser após fazer um cadastro ou de forma anônima.  Desta forma, é efetuada uma transação virtual que só precisa de dois elementos: um telefone celular nas mãos do doador e um cartão de papel pessoal e intransferível com tal código QR entregue previamente ao beneficiado por uma das organizações beneficentes, hotéis ou entidades associadas ao projeto.  Neste sentido, López destacou a importância destes intermediários, que atuam como canais de distribuição e que se encarregam de cadastrar e identificar os moradores de rua que vivem de esmolas, para garantir ao usuário um processo transparente e confiável."O cartão com o código QR do receptor atua como uma carteira digital na qual o dinheiro doado vai sendo acumulado e essa quantia virtual pode ser trocada depois, por exemplo, por comida em um supermercado ou por uma noite em um hotel", detalhou López sobre o procedimento do "Giving Streets", que, em nenhum caso, inclui dinheiro vivo.  


Deste modo, elimina-se ao mesmo tempo a barreira digital de acesso a novas tecnologias que existe para os sem-teto, pois estes não têm a obrigação de dispor de um celular para receber uma doação, simplesmente devem ter à sua disposição um cartão de papel.Neste ponto, a espanhola também ressaltou a possibilidade de fazer microdoações "para que os cidadãos com menos recursos ou as pessoas jovens possam transferir cotas pequenas se assim desejarem".   Além da doação instantânea, o "Giving Streets" também oferece ao usuário um painel de acompanhamento do dinheiro transferido.  "O indivíduo que doa sabe onde vai investir sua ajuda porque recebe uma notificação de onde a esmola foi gasta, um aspecto que gera uma resposta positiva esplêndida e faz o usuário se sentir à vontade doando porque tem informações do destino da sua doação", comentou López, acrescentando que existem controles que proíbem gastar em álcool, entre outros produtos.  Esta solução moderna só conta com dois inconvenientes, segundo a espanhola, que são a adoção e o financiamento.  


A primeira é questão de tempo e, para a segunda, López e sua equipe vão levar o "Giving Streets" na primeira semana de maio a Amsterdã, na Holanda, onde acontecerá a final do concurso "The Chivas Venture", à qual chegaram após vencerem em dezembro do ano passado o prêmio de empreendedores do ano na Inglaterra.  López é especialmente positiva quanto ao "Voto do Público", pois espera que várias pessoas visitem o "Giving Streets" para apoiar sua iniciativa antes de 30 de abril e ganhar assim os US$ 100 mil desta categoria.  Esta recompensa econômica seria usada no futuro para transformar os cartões de código QR em cadernetas de poupança e ajudar as pessoas sem-teto a pagar um aluguel graças às doações voluntárias.



Após 3 a 0 no jogo de ida, Dragão vence o rival mais uma vez e fatura a taça de forma incontestável

Dragão campeão!
Comemore, torcedor rubro-negro! Após cinco anos, o Atlético-GO é o campeão goiano! Neste domingo, no Olímpico, o Dragão venceu o Goiás por 1 a 0, com gol de Matheus, e conquistou seu 14º título estadual. O título foi encaminhado no último domingo com vitória por 3 a 0 no jogo de ida. O Goiás, que buscava seu segundo pentacampeonato na história, perde a taça e termina mal a competição.

Primeira conquista
Este é o primeiro título do técnico Wagner Lopes, que já tinha feito bom trabalho no próprio Atlético-GO em 2014 e quase foi campeão goiano no próprio Goiás no ano seguinte – foi demitido na reta final. 

Frustração e vaias

O Goiás perde o título e também a confiança da torcida antes da estreia na Série A. Neste domingo, 8 mil esmeraldinos apoiaram durante quase todo o jogo, mas protestaram no fim da partida. O goleiro Sidão foi o principal alvo. 

O jogo
O jogo foi morno em sua maior parte. Com a vantagem de 3 a 0, o Atlético-GO se fechou bem e praticamente não cedeu chances ao Goiás na primeira etapa. O segundo tempo foi marcado pela saída do zagueiro Lucas Rocha, que sentiu após choque de cabeça com Gilvan e Rafael Vaz. Com a bola rolando, Pedro Bambu evitou em cima da linha um gol do Esmeraldino. O Goiás aumentou a pressão, mas não conseguiu superar a boa defesa rubro-negra. Aos 55 minutos, Matheus recebeu ótimo passe de André Luís e chutou sem chances para Sidão para sacramentar o título: 1 a 0 Atlético-GO!


Mais de 100 cientistas disseram que o uso da tecnologia CRISPR-Cas9 é arriscado, injustificado e fere a reputação e o desenvolvimento da comunidade biomédica chinesa.


Autoridades e cientistas chineses criticaram nesta terça-feira (27) as alegações de um geneticista que disse ter criado os primeiros bebês editados geneticamente, e um hospital ligado à sua pesquisa sugeriu que a aprovação ética do trabalho foi forjada.
Mais de 100 cientistas disseram em carta aberta que o uso da tecnologia CRISPR-Cas9 para editar os genes de embriões humanos, é arriscado, injustificado e fere a reputação e o desenvolvimento da comunidade biomédica chinesa.  Em vídeos publicados na internet, o cientista He Jiankui defendeu o que disse ter alcançado: a edição genética embrionária para ajudar a proteger gêmeas nascidas no início deste mês do vírus HIV, que causa a Aids.  "A caixa de Pandora foi aberta. Ainda podemos ter um vislumbre de esperança de fechá-la antes que seja tarde demais", disseram os cientistas na carta, que foi publicada no site de notícias chinês The Paper.  "A revisão ética biomédica para esta chamada pesquisa só existe no nome. Realizar experimentos direto em humanos só pode ser descrito como loucura", disseram os cerca de 120 cientistas na carta escrita em chinês. 
Yang Zhengang, professor da Universidade Fudan, disse à Reuters que assinou a carta porque a edição genética é "muito perigosa".  A Sociedade de Genética da China e a Sociedade Chinesa para a Pesquisa com Células-Tronco disseram em um comunicado que He agiu como "indivíduo" e que seu trabalho representou "riscos de segurança tremendos para os alvos da pesquisa".  "Acreditamos que a pesquisa realizada por He vai fortemente contra tanto os regulamentos chineses quanto o consenso obtido pela comunidade científica internacional", disseram os dois grupos em comunicado publicado na internet. 
A CRISPR-Cas9 é uma tecnologia que permite que cientistas copiem e colem partes do DNA, aumentando a esperança de desenvolvimento de curas genéticas para doenças --mas também causando preocupações em relação a segurança e ética.  He, que deve participar de uma cúpula sobre edição genética humana na Universidade de Hong Kong na quarta-feira, não respondeu a um pedido de comentário da Reuters.  O Hospital Harmonicare de Shenzhen, que é listado em um registro chinês de testes clínicos como tendo fornecido aprovação ética para o experimento de He, negou ter participado de qualquer operação clínica ligada a "bebês editados geneticamente".

Fonte: G1


A maioria de nós gostaria de ter uma memória melhor. Se ao menos não chegássemos à loja, para comprar três coisas e nos lembrássemos só de duas.

Se ao menos não subíssemos até o segundo andar, só para esquecer por que fomos lá. Se ao menos pudéssemos ler informações e memorizá-las facilmente, em vez de tudo desaparecer rapidamente de nossas mentes. 
Há muitas técnicas de memória testadas e confiáveis, algumas das quais existem há décadas. Mas o que os cientistas estão investigando agora?  Mais estudos serão necessários antes que possamos ter certeza das melhores formas de colocar as pesquisas mais recentes em prática, mas o que elas podem nos dizer sobre como melhorar nossa memória?


1) Ande de costas
Podemos pensar que tempo e espaço são coisas muito diferentes, mas, mesmo na forma como falamos, há mais pontos de encontro do que poderíamos imaginar.  Nós deixamos acontecimentos "para trás". "Olhamos em frente" ao pensar no futuro. A maneira exata como fazemos isso varia de cultura para cultura, mas, no mundo ocidental, a maioria de nós pensa no futuro como um espaço a nossa frente enquanto o passado se estende para trás.
Pesquisadores da Universidade de Roehampton decidiram explorar a ligação em nossas mentes entre tempo e espaço para encontrar uma maneira de ajudar a nos lembrar melhor dos acontecimentos.  Eles mostraram às pessoas uma lista de palavras, um conjunto de fotos ou um vídeo em que uma mulher tem sua bolsa roubada. As pessoas foram instruídas a andar para frente ou para trás por dez metros em uma sala no tempo, de acordo com um metrônomo, um aparelho usado para marcar um andamento musical.

Quando eles foram testados depois sobre o que lembravam do vídeo, das palavras e das imagens, em cada teste, quem caminhou para trás se lembrou mais.  Funcionou até mesmo quando os participantes imaginaram andar para trás, ao invés de fazê-lo fisicamente. Era como se caminhar para trás no espaço encorajasse suas mentes a voltar no tempo e permitisse que as pessoas acessassem suas memórias mais facilmente.  Esta pesquisa de 2018 se encaixa com alguns estudos feitos com ratos em 2006.

Quando os animais tentam navegar um labirinto, alguns neurônios específicos são ativados quando eles aprendem um ponto do caminho. Os pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT, na sigla em inglês), nos Estados Unidos, descobriram que, quando os ratos param no labirinto, os neurônios associados a cada local que aprenderam no trajeto disparam em ordem inversa. Então, fazer o caminho inverso em suas mentes os ajuda a se lembrar da rota correta.


E, agora, uma nova pesquisa da Universidade de Birmingham, na Inglaterra, mostrou que quando nós, seres humanos, lembramos de um evento passado, reconstruímos a experiência em nossa mente em ordem inversa.  Quando vemos pela primeira vez um objeto, notamos primeiro os padrões e as cores e depois descobrimos o que é. Quando tentamos nos lembrar de um objeto, acontece o contrário: nos lembramos do objeto primeiro e, depois, se tivermos sorte, dos detalhes.

2) Faça um desenho
Que tal desenhar sua lista de compras em vez de escrever os itens?  Em uma pesquisa feita na Universidade de Waterloo, na Inglaterra, em 2018, um grupo de jovens e idosos recebeu uma lista de palavras para aprender. Metade foi convidada a fazer um desenho de cada uma das palavras, enquanto a outra metade foi instruída a escrever as palavras enquanto as aprendiam.  Mais tarde, as pessoas foram testadas para ver de quantas palavras conseguiam se lembrar. Apesar de algumas palavras serem muito difíceis de desenhar, como "isótopo", o ato de desenhar fez tanta diferença que os mais velhos se tornaram tão bons quanto os mais jovens em se recordar das palavras.

O desenho ajudou até mesmo pessoas com demência.  Quando desenhamos algo, somos forçados a pensar em mais detalhes, e é esse processo profundo que nos torna mais propensos a nos lembrar de algo. Até mesmo escrever uma lista ajuda, e é por isso que, quando você chega à loja e percebe que deixou sua lista de compras em casa, ainda é possível se lembrar de mais itens do que se você não tivesse escrito a lista.  Fazer um desenho leva isso um passo além. E não há problema se você não tiver um bom traço: a qualidade do desenho não fez diferença. 

3) Exercite-se
Sabe-se há algum tempo que exercícios aeróbicos, como corrida, podem melhorar a memória. O exercício físico regular gera um pequeno benefício geral, mas, se você quiser aprender algo específico, uma sessão intensa parece ser a ideal, porque ajuda a absorver novas informações, ao menos no curto prazo, segundo uma pesquisa de cientistas do Canadá e da Dinamarca.


A pesquisa sugere que, com o timing certo, a melhoria de memória pode ser ainda maior. Pessoas que fizeram um treino de 35 minutos quatro horas depois de aprender uma lista de fotos associadas a locais conseguiu se lembrar melhor dos pares do que aqueles que fizeram o exercício imediatamente após.  No futuro, os pesquisadores investigarão quais exercícios são mais indicados de acordo com o tipo de coisa de que você quer se lembrar. 

4) Não faça nada
Quando as pessoas que tinham amnésia por causa de um derrame receberam uma lista de 15 palavras para memorizar e depois tiveram de fazer outra tarefa, dez minutos depois, elas só conseguiam lembrar de 14% da lista original. Se ficassem em uma sala escura fazendo nada por 15 minutos, sua pontuação subia para 49%, mostrou um estudo da Universidade do Missouri, nos Estados Unidos. 
A mesma técnica tem sido usada desde então em várias pesquisas por Michaela Dewar, da Universidade Herriot Watt, na Escócia. Ela descobriu que, em pessoas saudáveis, uma pequena pausa logo depois de aprender alguma coisa faz diferença no quanto elas podem se lembrar daquilo uma semana depois.  Agora, você pode estar pensando: como saber se as pessoas não passaram dez minutos na sala escura repetindo as palavras para si mesmas para que não se esquecessem? Para evitar isso, Dewar pediu que as pessoas memorizassem a pronúncia de palavras em uma língua estrangeira que elas não conseguiriam repetir para si mesmas depois.  Se andar para trás, desenhar, fazer exercícios ou até mesmo fazer uma pausa parece difícil, que tal tirar uma soneca?  Esses estudos nos mostram o quão frágeis são as novas memórias, a ponto de até mesmo uma pequena pausa poder fazer diferença se elas ficam na nossa mente ou desaparecem. 

5) Tire uma soneca
Se caminhar para trás, desenhar, fazer exercícios ou até mesmo fazer uma pausa parece ser muito difícil, que tal tirar uma soneca rápida?  O sono ajuda a consolidar nossas memórias ao reproduzir ou reativar informações que acabamos de aprender. Uma pesquisa da Universidade de Oldemburgo, na Alemanha, descobriram que, quando pessoas recebiam pares de palavras para memorizar, elas podiam se lembrar mais depois de um sono de até 90 minutos em comparação com quem assistiu a um filme.
Mas pesquisas recentes sugerem que essa técnica funciona melhor para pessoas que estão acostumadas a tirar um cochilo à tarde. Isso levou Elizabeth McDevitt e sua equipe da Universidade da Califórnia a se perguntarem se era possível treinar pessoas para tirar uma soneca. Então, por quatro semanas, quem não tinha esse hábito foi para a cama para tirar uma soneca diurna quando podiam.  Infelizmente, para essas pessoas, as sonecas não melhoraram suas memórias. Então, talvez seja necessário um período de treinamento mais longo ou haja algumas pessoas para quem é melhor andar para trás, desenhar, correr ou simplesmente não fazer nada.

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget